NA PEDIATRIA DO IPO DO PORTO HÁ DIAS QUE SÃO UMA FESTA

NA PEDIATRIA DO IPO DO PORTO HÁ DIAS QUE SÃO UMA FESTA

As crianças do serviço de pediatria do Instituto Português de Oncologia (IPO), do Porto, receberam hoje a visita da mascote da Cidade Europeia do Desporto (CED), numa ação solidária promovida pelo Município de Gondomar, em colaboração com a Liga Portuguesa contra o Cancro.

Desenhos nas paredes e crianças a correr de um lado para o outro. Há gargalhadas, gritos, tudo o que é expectável da infância. Na sala de espera da ala das consultas externas, dezenas de crianças e pais esperam pela sua vez.

A chegada da mascote da CED faz a delícia das crianças e disparam os pedidos de fotos. A vereadora do Desporto, Sandra Almeida, lidera a comitiva que distribui lembranças e sorrisos.“São estes os momentos por que vale a pena estar aqui”, confidencia Alberto Nogueira, voluntário da Liga Portuguesa contra o Cancro e um dos 120 que dão corpo e alma ao serviço de voluntariado do serviço de pediatria. No total, o IPO do Porto conta com mais de 500 voluntários que de segunda a domingo apoiam os doentes e famílias.

Apesar deste trabalho externo, internamente o IPO do Porto também tem atividades lúdicas e serviço pedagógico. A educadora Filomena Maia, coordenadora da equipa lúdico-pedagógica, mostra-nos o espaço das brincadeiras. Todos os dias há atividades, dando sempre prioridade ao que a que criança quer fazer, explica-nos a técnica que se tem dedicado a estas crianças nos últimos 28 anos.

A visita da CED termina no serviço de internamento. Aqui, a enfermeira-chefe Amélia Ramalhão é a cicerone da comitiva. Crianças e pais recebem também uma voz amiga e um “kit” da Cidade Europeia do Desporto. A mascote é mais uma vez a estrela da companhia, com a qual todas as princesas e príncipes querem uma fotografia. Alguns, pedem repetidamente um abraço e um beijinho ao balão.

São estes os momentos por que vale a pena estar aqui.