PAVILHÃO DE FÂNZERES REABRIU EM FESTA

PAVILHÃO DE FÂNZERES REABRIU EM FESTA

Reabriu hoje, em ambiente de festa, o Pavilhão Gimnodesportivo de Fânzeres. Sem qualquer obra de requalificação nos últimos 30 anos e num ano em que Gondomar se assume como Cidade Europeia do Desporto, o Pavilhão de Fânzeres sofreu uma remodelação profunda. Gondomarenses inscritos no programa Idade D’Ouro Ativa realizaram jogos tradicionais e desenvolveram coreografias alusivas ao fecho de atividades, que serão retomadas em outubro.

Detetados vários problemas no Pavilhão Gimnodesportivo – cobertura em fibrocimento, deficiente isolamento térmico e degradação exterior da fachada do edifício, por exemplo – o Município decidiu intervir no espaço em profundidade para remover a cobertura e substituí-la por outra mais adequada, introduzir medidas de harmonização na segurança, renovar os espaços interiores, melhorar a eficiência térmica da estrutura, renovar a fachada do pavilhão e adaptá-lo para as regras definidas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude, além de avançar com novos acessos e arranjos exteriores.

O Pavilhão Gimnodesportivo de Fânzeres foi alvo de um primeiro estudo de remodelação em 1985 e de um segundo em 2000/2001, mas nenhum se concretizou. Com a realização da Cidade Europeia do Desporto tornou-se urgente a remodelação, que agora se dá por concluída após um investimento de perto de 500 mil euros.

Mantendo a construção existente e a sua ampliação num volume homogéneo, estabilizado e adaptado ao terreno, numa área bruta de 3562 metros quadrados, a intervenção determinou alterações na sua compartimentação interior, nomeadamente ao nível das instalações sanitárias, bem como a adequação e otimização de percursos interiores para fácil mobilidade dos utentes e a realização de entradas e saídas que possibilitem maior segurança.